Inicial Anúncio Cadastro Gratuito Colabore Fale Conosco
Página Inicial
Ação Social
Cursos e Eventos
Feiras/Exposições
Vitrine de Artesãos
Dicas para Artesãos
Microcrédito
Assoc./Cooperativa
Convênios
Lojas
Técnicas
Portal na Mídia
Enquete
Links Importantes
Lojas Virtuais
Vitrine Virtual
Promo Eventos
Fale Conosco
Notícias

 

Comunidade do Artesanato Bauru no Orkut. Participe!

 



 

Hora de Arte

 

artesanato na internet


 

principal

 

DICAS

LUCRE COM O ARTESANATO
Por
Anibal Oliveira

Dicas para o artesão:
O artesanato recebe várias definições, mas ninguém nega sua importância no cenário econômico. Seja na versão tradicional através de referências culturais ou sob o aspecto moderno com a utilização de formas e moldes, o fato é que ele gera emprego, renda e bons negócios.
Para ter sucesso em seu trabalho, o artesão deve ter cuidado especial no acabamento final da peça e com a embalagem, que é parte fundamental. Uma bela embalagem muda o visual do produto, tornando-o mais atrativo - em casas especializadas encontram-se sacos e caixas a preços acessíveis.
Atendimento, vestimenta, higiene, limpeza e organização dos produtos também são fatores importantes, principalmente para as pessoas que montam barracas em feiras. Faça propaganda de seus produtos através de cartões de visita, internet (blog e/ou site), jornais, lojas virtuais, entre outros.
Procure assistir programas de TV que apresentem matérias artesanais do tipo “Faça Você mesmo”.
Visite feiras e exposições dos grandes fabricantes para conhecer novos produtos, técnicas, coleções e tendências. Cursos, para aperfeiçoamento também são importantes.
Procure informações e conhecimentos no SEBRAE, SUTACO, SESI, SESC, SENAC, SENAT Prefeituras (através dos departamentos de cultura, turismo ou ação social que tem programas de inclusão produtiva), entidades sociais, igrejas e lojas de artesanato. Na hora da compra uma boa dica é juntar-se com mais pessoas que utilizam um mesmo produto e adquirir em quantidade maior, enfim quem compra mais pode obter maiores descontos dos lojistas.
Para quem fabrica comida artesanal e sabonetes é preciso estar atento as leis de vigilância sanitária e o código do consumidor.
Para o meio ambiente (árvores, raízes, sementes, queima de produtos) procure orientações no IBAMA.
Vale lembrar ainda que os produtos, mesmo artesanais, precisam apresentar informações técnicas, isto é, material utilizado para a confecção da peça; principalmente quando o produto for para exportação.

O Papel da Sutaco:
Para que você possa expôr seus produtos em feiras no estado de São Paulo é preciso ter a “Carteira de Identidade de Artesão”. Ela é fornecida pela Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades (SUTACO). Neste órgão além da carteira Sutaco, após avaliar, classificar e quantificar o artesanato produzido emite-se a Carteira de Identificação de Artesão, que credencia o interessado como profissional de artesanato. O cadastramento possibilita a utilização dos serviços de emissão de nota fiscal, cursos de qualificação e requalificação profissional, divulgação e apoio à comercialização, exportação, consulta à biblioteca especializada. Também dá acesso ao microcrédito com financiamento do Banco do Povo, com juros de 1% ao mês e orientação técnica e jurídica. Para saber onde se cadastrar acesse o site www.sutaco.com.br. - Veja a cidade mais próxima para obter as informações em “Espaço do Artesão”.


O Sebrae e suas orientações:
Uma vez cadastrado na Sutaco procure orientaes no SEBRAE (Servio Brasileiro de Apoio s Micro e Pequenas Empresas). Ele oferece cursos bsicos para empreendedores formais e informais, cursos via internet, informaes sobre servios financeiros (microcrdito), orientaes para formao de associaes, cooperativas e exportao.
Acesse o site www.sebraesp.com.br e veja a cidade mais prxima para obter informaes ou ligue 0800 728 0202.

Onde buscar financiamento:
Se você precisa comprar máquinas, equipamentos, ferramentas, mercadorias, matérias-primas, consertar máquinas e equipamentos procure o Banco do Povo Paulista que é uma parceria entre o Governo do Estado de São Paulo e as Prefeituras Municipais. Financiamentos para pessoa física, jurídica, cooperativas e associações. Informações nas prefeituras, Poupatempo ou no site www.bancodopovo.sp.gov.br

Como despachar suas peças para fora do país:
As agências dos Correios oferece o serviço Exporta Fácil que é um conjunto de serviços com facilidades para empresas e pessoas físicas (artesãos, agricultores, etc.) que desejam exportar seus produtos de maneira mais simples. Para saber mais procure uma agência dos Correios para saber como usar, prazo de entrega e preço, ou acesse o site www.exportafacil.com.br

O artesão e a Previdência Social – INSS
As pessoas que trabalham sem carteira assinada podem aderir ao Plano Simplificado de Previdência Social. Este plano permite contribuir com 11% sobre o salário mínimo, garantindo aposentadoria por idade (recebendo um salário mínimo), auxílio-doença, salário maternidade, pensão por morte para aos beneficiários, auxílio-reclusão e aposentadoria por invalidez.
Com o nº do PIS recolhe-se até o dia 15 de cada mês no código 1473.
É de suma importância obter maiores esclarecimentos na Agência do INSS mais próxima, através do site www.previdenciasocial.gov.br ou pelo telefone 135.

voltar para ler mais dicas

Meu Bazar

© Copyright 2008 ARTESANATO BAURU E REGIAO | Todos os direitos reservados.

ArtesanatoBauru é uma iniciativa REVELARE Agência de Internet para promover a cultura em nossa região.